Jovens Igreja do Deus Forte

Qual o Principal Indicador de que uma Igreja é Saudável?

Qual o principal indicador que demonstra que uma igreja é saudável? Hoje muitos pastores, líderes e até membros das igrejas creem que bons indicadores de uma igreja saudável são o número de pessoas frequentando a igreja, as manifestações de poderes e unções no culto, a prosperidade conseguida pelos seus membros, o falar em outras línguas, as curas realizadas, líderes que demonstrem poder. Será que estes são bons indicadores de uma igreja saudável?
 
Paulo via diferente. Para ele, o principal indicador de uma igreja saudável era a pregação da sã doutrina, ou seja, a pregação da Palavra de Deus. Nas suas orientações ao jovem pastor Timóteo, Paulo fazia questão de frisar o que ele deveria fazer para que a igreja fosse saudável.
 
Que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina. Porque virá tempo em que näo suportaräo a sä doutrina; mas, tendo comichäo nos ouvidos, amontoaräo para si doutores conforme as suas próprias concupiscências; E desviaräo os ouvidos da verdade, voltando às fábulas. (2 Tm 4. 2-4)
 
A Tito, Paulo orienta: “Tu, porém, fala o que convém à sã doutrina.” (Tito 2. 1)
 
Uma igreja saudável é uma igreja que tem a palavra de Deus e o Deus da Palavra como centro de seu culto e de sua vida. O centro do culto é a parte mais importante dele. Qualquer igreja que coloque qualquer outra coisa como sendo o centro do seu culto, seja cura, seja milagres, seja prosperidade, seja culto aos seus líderes, seja o louvor, seja qualquer tipo de arte, sejam revelações, sejam manifestações de poder, seja línguas ou outra coisa qualquer, é uma igreja doente, que precisa rever seus conceitos e valores, sua doutrina.
 
A sã doutrina é a doutrina que faz a igreja sã. Existem vários indicadores que demonstram a saúde de uma igreja, mas com certeza o principal deles é a pregação da sã doutrina. Foi a pregação da sã doutrina que produziu os protestantes, foi ela que acabou com os disparates do catolicismo no século XVI.
 
Hoje, creio que necessitamos novamente de uma reforma que traga a sã doutrina para a vida da igreja, para o centro dela. Grande parte da igreja “evangélica” está doente e o único remédio é a volta a sã doutrina.
Por André Sanchez 
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s