Jovens Igreja do Deus Forte

Posts com tag “religião


A Ilusão da Religião

Ed René Kivitz


Religião vs Evangelho

Irmãos, venho lembrar-vos o evangelho que vos anunciei, o qual recebestes e no qual ainda perseverais; por ele também sois salvos, se retiverdes a palavra tal como vo-la preguei, a menos que tenhais crido em vão. Antes de tudo, vos entreguei o que também recebi: que Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras, e que foi sepultado e ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras. (1Co 15.1-4)

O que é o Evangelho? A palavra evangelho significa simplesmente “uma boa notícia.” A mensagem central da Bíblia é o evangelho, ou boas notícias, sobre a pessoa e a obra de Jesus Cristo. Em 1 Coríntios 15:1-4, Paulo fornece o resumo mais sucinto do evangelho: o homem Jesus também é Deus, ou Cristo, e morreu em uma cruz em nosso lugar, pagando o preço pelos nossos pecados, três dias depois, Ele ressuscitou para vencer o pecado e a morte, e dar o dom da salvação a todos os que crêem nEle para a vida eterna

O grande reformador Martinho Lutero bem disse que, como pecadores, nós estamos propensos a buscar um relacionamento com Deus de duas maneiras. A primeira é a religião e a segunda é o evangelho. Os dois são opostos em todos os sentidos:

A religião diz que se obedecermos a Deus Ele nos ama. O evangelho diz que é porque Deus nos amou através de Jesus que podemos obedecer.

A religião diz que o mundo está cheio de pessoas boas e pessoas más. O evangelho diz que o mundo está cheio de pessoas más que se arrependeram ou que não se arrependeram.

A religião diz que você deve confiar no que você faz como uma boa pessoa moral. O evangelho diz que você deve confiar na vida perfeitamente sem pecado de Jesus porque só Ele é a única pessoa boa e verdadeiramente moral que já viveu.

O objetivo da religião é ganhar coisas de Deus, tais como saúde, riqueza, conhecimento, poder e controle. O objetivo do evangelho não são os dons que Deus dá, mas sim receber a Deus como o dom supremo que nos foi dado pela graça.

A religião é sobre o que eu tenho que fazer. O evangelho é sobre o que eu posso fazer. Religião vê as dificuldades na vida, como castigo de Deus. O evangelho vê as dificuldades na vida como uma aflição santificadora que nos lembra dos sofrimentos de Jesus, tais aflições são usadas por Deus em amor para nos tornar mais parecidos com Jesus. A religião é sobre mim. O evangelho é a respeito de Jesus Cristo.

Religião leva a uma incerteza sobre a minha posição diante de Deus porque eu nunca sei se o que eu faço é o suficiente para agradar a Deus. O evangelho leva a uma certeza sobre a minha posição diante de Deus por causa da obra consumada de Jesus em meu nome na cruz.

Religião termina em orgulho (porque eu acho que sou melhor do que as outras pessoas) ou desespero (porque eu sempre fico aquém dos mandamentos de Deus). O evangelho termina em alegria humilde e confiante por causa do poder de Jesus em ação em mim, por mim, e muitas vezes a despeito de mim.

Fonte: AmeCristo.com


Livre para Acreditar – Free to Believe

Dele todo o corpo, ajustado e unido pelo auxílio de todas as juntas, cresce e edifica-se a si mesmo em amor, na medida em que cada parte realiza a sua função. Efésios 4.16

Querido(a) irmão(ã),  (O abaixo-assinado global)

Há uma semana iniciamos a campanha Free to Believe para arrecadar nomes de pessoas que se posicionem contra a Resolução da Difamação da Religião, que legaliza a perseguição em países muçulmanos e, consequentemente, torna a vida de nossos irmãos muito mais difícil.

Estamos muito animados, pois até o momento de envio desse email, 10.400 petições eletrônicas foram preenchidas. Sem contar as impressas, que estão circulando nas igrejas do país! É gratificante ver como os cristãos brasileiros participam e se mobilizam em favor de seus irmãos.

Somos gratos porque podemos contar com vocês, ou melhor, os cristãos perseguidos podem contar com vocês. Glória a Deus por isso!

Caso você já tenha assinado, não pare por aí. Incentive os jovens a participar e mobilizar seus amigos para, juntos, mudarem a história de milhares de vidas.

Não esqueça que existem materiais disponíveis para download na página, inclusive, para aqueles que preferem, é possível baixar o arquivo do abaixo-assinado impresso e imprimir quantas cópias quiser.

Organizações como a Portas Abertas Internacional estão muito próximas de derrotar a resolução este ano. Uma ação combinada neste momento pode fazer toda a diferença!

Por isso, nos comprometemos a orar, divulgar a campanha e dar suporte prático àqueles que não são livres para escolher e praticar sua religião até que possam desfrutar da mesma proteção legal dos cristãos no mundo livre. Essa proteção deveria incluir o direito de:

• ouvir o evangelho;
• fazer uma escolha pessoal sobre sua crença religiosa;
• mudar a opção religiosa em seu documento de identidade;
• possuir uma Bíblia;
• compartilhar sua fé;
• reunir-se com outros para cultuar.

Vamos realizar, cada um de nós, a função que nos cabe no Corpo, conforme nos ensina o versículo deste Ponto de Encontro.

Diga SIM à liberdade religiosa e NÃO para a Resolução da Difamação da Religião.

DIP 2011

Estamos começando a nos preparar para o Domingo da Igreja Perseguida 2011. Contamos com seu apoio mais uma vez.

Deus o abençoe,

Pr. Carlos Alfredo de Sousa
Secretário Geral
Missão Portas Abertas